Banner topo
Duque Bacelar

Após ex-aluno ejacular no rosto de professora, moradores fazem protesto no Maranhão

Com placas e cartazes, eles chamaram a atenção de quem passava pelas ruas da cidade.

Maranhão

Maranhão Notícias do Maranhão

07/08/2019 22h14
Por: Redação Portal C7
Fonte: Enquanto isso no Maranhão
Reprodução / Divulgação
Reprodução / Divulgação

Moradores de Duque Bacelar, na região leste do Maranhão, realizaram uma manifestação no último sábado (3) após um caso de abuso sexual contra uma professora na cidade. Segundo a professora Simone Furtado, um ex-aluno a ameaçou com uma arma e ejaculou em seu rosto.

A professora identificada como Simone, procurou a polícia e registrou a ocorrência. Ela conta que caminhava pela manhã, perto de um açude, quando foi abordada pelo abusador, de 17 anos, que estava armado e com o rosto coberto. Ele chegou a ser levado para a Delegacia de Coelho Neto, mas foi liberado logo em seguida.

“Ele está solto no momento, pode fazer com qualquer um porque falam que ele anda se vangloriando por conta da situação que fez e faria de novo. Espero que não pare por aqui. Aliás, não vai parar porque eu vou correr atrás de justiça”, disse a professora.

Ainda de acordo com Simone, o ex-aluno já tinha praticado casos de assédio na escola. Após o caso, homens e mulheres se revoltaram e foram às ruas pedir justiça e mais rigor na punição nesses casos. Com placas e cartazes, eles chamaram a atenção de quem passava pelas ruas da cidade.

“Não é o primeiro ato, mas essa foi a primeira guerreira que teve coragem de denunciar, se expor para a comunidade. Nós compramos a briga dela. Estamos aqui e não vamos parar. Esse é o primeiro momento somente”, disse a professora Ednilda Moraes.

  • Após ex-aluno ejacular no rosto de professora, moradores fazem protesto no Maranhão
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.