Política & Economia Turismo

Secretaria do Turismo gastou R$ 16,3 milhões com atrações musicais nos anos de 2018 e 2019

Um dos itens do parecer do Ministério Público de Contas, "Realização de despesas com apresentações musicais sem aumento da atividade turística. 

10/06/2021 07h14
Por: Diogo Costa Fonte: 180graus
Flávio Nogueira Júnior
Flávio Nogueira Júnior

Está na pauta do plenário do Tribunal de Contas desta quinta-feira auditoria que tinha como escopo analisar a regularidade das contratações de atrações artísticas custeadas com recursos públicos oriundos de emendas parlamentares alocadas ali na pasta do Turismo, referentes aos exercícios financeiros de 2018 e 2019. 

Um dos itens do parecer do Ministério Público de Contas, "Realização de despesas com apresentações musicais sem aumento da atividade turística. Violação ao artigo 37 da Constituição Federal – Princípio da Eficiência, c/c artigo 70, caput – Princípio da Economicidade", traz como responsáveis secretário e ex-secretários da pasta, respectivamente, Flávio Rodrigues Nogueira Júnior (valor R$ 7.250.905,15), Bruno Ferreira Correia Lima (Valor R$ 5.237.635,63) e Carina Thomaz Câmara (Valor R$ 3.720.000,00).

Extrai-se da informação que nos anos de 2018 e 2019 gastou-se R$ 16.208.540,80. 

Amarante - PI
Atualizado às 19h31 - Fonte: Climatempo
27°
Poucas nuvens

Mín. 23° Máx. 34°

27° Sensação
10.9 km/h Vento
40.3% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (20/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 23° Máx. 34°

Sol com algumas nuvens
Segunda (21/06)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 24° Máx. 33°

Sol e Chuva
Ele1 - Criar site de notícias