Banner topo
Senador

Senador Ciro Nogueira defende mudança nas regras da TV paga

Ciro explicou que, atualmente, quem quiser ter acesso ao conteúdo da TV paga precisa contratar uma operadora/distribuidora e fica restrito aos pacotes oferecidos pela empresa.

14/08/2019 08h05
Por: Redação Portal C7
Fonte: Agência Senado
Senador Ciro Nogueira
Senador Ciro Nogueira

Para diminuir as restrições da TV por assinatura, o senador Ciro Nogueira (Progressistas/PI) apresentou um projeto (PL 4330/2019) que permite a contratação apenas de canais selecionados pelo consumidor.

Ciro explicou que, atualmente, quem quiser ter acesso ao conteúdo da TV paga precisa contratar uma operadora/distribuidora e fica restrito aos pacotes oferecidos pela empresa. A proposta do senador dá aos canais e produtores a liberdade de comercializar conteúdo diretamente aos consumidores. Com isso, os brasileiros podem adquirir apenas os canais que escolher, sem a necessidade de intermediários. “É preciso abolir as barreiras existentes na lei, pois elas impedem que se contrate diretamente dos produtores os conteúdos que levam o consumidor a contratar um serviço de tv paga, pois são interesses específicos”, defendeu Ciro.

O projeto do senador prevê a revogação dos artigos 5 e 6 da Lei nº 12.485/2011 (Lei do Serviço de Acesso Condicionado – SeAC), que proíbe a propriedade cruzada entre quem distribui conteúdo aos assinantes (operadoras de telecomunicações) e quem produz ou vende programação (emissoras de TV, produtoras e programadoras). Ciro argumentou que a medida vai favorecer o consumidor e irá alinhar o Brasil à tendência mundial de permitir que operadoras de telecomunicações se reposicionem no mercado a partir da produção de conteúdo próprio.

Internet

A proposta também determina que a comercialização ou a distribuição de pacotes ou conteúdos audiovisuais pela internet não sejam consideradas serviços de telecomunicações, pois são diferentes das chamadas telefônicas ou da conexão de dados. “Trata-se de medida essencial para garantir a liberdade e a inovação no ambiente da internet, que já possui o seu marco civil”, destacou Ciro Nogueira.

O PL 4330/2019 será analisado pela Comissão de Defesa do Consumidor, em seguida pela Comissão de Ciência, Tecnologia e Comunicação (CCT) do Senado.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Amarante - PI
Atualizado às 02h36
25°
Muitas nuvens Máxima: 35° - Mínima: 23°
25°

Sensação

8.6 km/h

Vento

81.1%

Umidade

Fonte: Climatempo
Banner 300 X 600
Banner sessão 1 (política) Espaço 1
Municípios
Banner sessão 1 (esportes) espaço 2
Últimas notícias
Banner sessão 1 (entretenimento) espaço 3
Mais lidas
Banner sessão 1 (cidades) espaço 4
Espaço 5