Banner topo
Polêmica

Apóstolo é alvo de profecia e recebe recado de Deus: 'Vai parar no inferno'

Parece que o Apóstolo Valdemiro Santiago terá que pedir perdão para Deus. Profecia divulgada diz que o religioso teria que se arrepender de seus pecados.

01/09/2019 14h02
Por: Redação Portal C7
Fonte: TV Foco
Valdemiro Santiago (Reprodução)
Valdemiro Santiago (Reprodução)

Líder de uma das maiores igrejas do Brasil, o Apóstolo Valdemiro Santiago virou alvo de uma série de críticas de um grupo religioso. Em vídeo, um grupo intitulado Igreja Ativa diz que Deus mandou um recado e que ele deveria ser direcionado a Valdemiro.

Segundo eles, Deus estaria pedindo para que o apóstolo se arrependesse de seus pecados e voltasse para a verdade. Caso não se concertasse, o religioso poderia passar por períodos de crise. Wasmuth, no vídeo, enfatiza que Deus estaria bravo pela “rebelião e confusão desde sua mocidade”.

Wasmuth profetiza uma crise, fato que vem ocorrendo com a igreja de Valdemiro, e que ele teria que se redimir agora, ou seria tarde demais. E nem se ele estivesse vestindo uma camisa ungida de sangue – como disse o apóstolo em uma campanha da igreja – teria salvação.

Desde 2018, manchetes dizem que a Igreja Mundial está sofrendo com as crises e a diminuição na arrecadação. Mesmo com os produtos ungidos – como chaves, fronhas, meias e óleos – a situação ainda está crítica. Por isso, Valdemiro está com um novo negócio: perfume.

Feito de acordo com seu gosto pessoal, Valdemiro acompanhou a produção do ‘VS’ e garantiu que as vendas estão sendo um sucesso. “Muitas senhoras já compraram para seus maridos e estão adquirindo pela segunda vez, por causa da qualidade”, disse ele.

Nas redes sociais, o novo perfume de Valdemiro repercutiu e as opiniões ficaram divididas. “Cuidado, Valdemiro! Continua com isso e vai parar no inferno”, disparou um. “Deixa ele vender o perfume dele, gente. Não estou preocupado”, comentou outro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.