Sábado, 15 de Junho de 2024 06:53
86994340228
Gospel Adoração

Família é vista louvando em casa alagada no Rio Grande do Sul: “Verdadeiros adoradores”

As vítimas adoraram a Deus em casa iluminada apenas por uma vela, em um bairro inundado em Esteio.

07/05/2024 17h53
Por: Diogo Costa Fonte: guiame.com.br
Artcar auto center
Artcar auto center

Uma família foi vista louvando a Deus em uma casa em meio à enchente em Esteio, no Rio Grande do Sul.

Continua após a publicidade
Anúncio

O momento emocionante foi gravado por um voluntário que está ajudando nos resgates das vítimas. Bynna, dono de uma loja de peças automotivas, fez resgates com seu jipe nos bairros inundados na cidade de Esteio.

Continua após a publicidade
Anúncio

No domingo (5), ele compartilhou um vídeo no Instagram em que passava de barco à noite em meio às casas alagadas no bairro Novo Esteio.

Em uma das residências, é possível ouvir um grupo de pessoas cantando louvores na escuridão. 

“Escutem: o pessoal ‘rezando’ em uma casa aqui com uma velinha. Olha, até estrela tem, pessoal. São 9h05 da noite, no meio dessa aguaceira toda, o pessoal não ‘deixa cair a peteca’”, disse Bynna, no vídeo.

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Artcar auto center (@artcarautocenter)

Com violão, os cristãos cantavam o louvor “Ser Mudado”, de Alessandro Vilas Boas, que diz: “Não é que eu não seja grato / por tudo que tens feito em mim / mas meu coração tem chorado por Ti”.

O vídeo já tem mais de 9 milhões de visualizações e recebeu centenas de comentários de usuários emocionados.

“Estão adorando! Você presenciou verdadeiros adoradores. Glória a Deus!”, escreveu um homem. Outra usuária refletiu: “A única coisa que a água não pode levar é nossa fé”. 

Já o pastor Felipe Melo, da Rio Life Church, comentou: “Não tem como não lembrar de Paulo e Silas na prisão. Que coisa linda”.

Enchentes no Rio Grande do Sul 

Segundo o último boletim da Defesa Civil divulgado nesta terça-feira (7), 90 pessoas morreram, 361 ficaram feridas e 132 moradores ainda estão desaparecidos, pelas enchentes no estado.

Mais de 130 mil estão desabrigados em 341 cidades atingidas. No total, 844 mil pessoas foram afetadas pelas fortes chuvas.

O governo do Rio Grande do Sul decretou estado de calamidade pública, após as fortes chuvas provocaram enchentes, deslizamentos, rompimentos de barragens e destruição em grande parte do estado.

Amarante, PI
Atualizado às 04h01
20°
Parcialmente nublado

Mín. 19° Máx. 33°

20° Sensação
1.6 km/h Vento
73% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (16/06)

Mín. 25° Máx. 35°

Parcialmente nublado
Amanhã (17/06)

Mín. 21° Máx. 35°

Tempo limpo
Ele1 - Criar site de notícias